fbpx

Vacinas em dia: confira o calendário de vacinação pet

parvovirose canina
Parvovirose Canina: tudo o que você precisa saber sobre essa doença
4 junho, 2020
raças de cachorros gigantes
Raças de cachorros gigantes: conheça algumas!
3 julho, 2020
calendário de vacinação

Para manter seu pet protegido, é necessário que o calendário de vacinação pet esteja em dia. Confira as principais vacinas para cães e gatos e a importância de cada uma delas.

Cães

Geralmente, o calendário de vacinação para os cães começa com 45 dias, com a administração da vacina múltipla V8 ou V10. Essas vacinas são de extrema importância, pois protegem o filhote de doenças fatais e que podem ser transmitidas para os humanos, como a parvovirose, cinomose, leptospirose, hepatite canina entre outras.

A vacina antirrábica, contra a raiva, pode ser feita a partir da 12ª semana de vida, e deve ser reforçada anualmente em todos os cães. Por ser uma das mais importantes, costuma ser oferecida gratuitamente em campanhas municipais de vacinação. A vacina antirrábica também é uma obrigatoriedade se você for hospedar seu cãozinho em um canil, deixá-lo na creche ou viajar com ele. Algumas empresas de ônibus e aviação exigem a carteirinha de vacinação atualizada para que você possa viajar com seu pet. 

Outras vacinas também são indicadas para manter o seu cão saudável, confira:

  • V12 – Além das doenças contempladas na V8 e V10, protege contra sete tipos de leptospirose. É indicada a partir da 6ª semana;
  • Gripe Canina – Protege o animal contra a gripe e deve ser reforçada anualmente antes do inverno. Pode ser administrada a partir da 8ª semana;
  • Giárdia – Protege o cão contra o parasita causador da Giardíase, uma infecção gastrointestinal. É recomendada a partir da 12ª semana;
  • Leishmaniose – Essa doença é transmitida por um mosquito e também pode afetar os seres humanos. É de extrema importância para cães que vivem no litoral, no Nordeste ou no Centro Oeste do país, áreas com maiores taxas de contaminação. Pode ser administrada a partir da 16ª semana. 

Gatos 

A primeira vacina aplicada nos gatos é a V4, a partir dos 50 dias de vida. Ela protege o animal contra a rinotraqueite, calicivirose, panleucopenia e clamidiose. Assim como os cães, os felinos também devem ser vacinados contra a raiva a partir dos 4 meses. 

Uma das doenças mais fatais para os gatinhos é a FeLV, conhecida como leucemia felina. Ela está englobada na vacina múltipla V5, que também imuniza contra as outras quatro doenças citadas acima. Porém, nem todos os gatos podem ser vacinados com a V5, por isso consulte seu veterinário para esclarecer todas as dúvidas.

Os gatos também podem ser vacinados contra a gripe e outras doenças sazonais. 

Cuidados antes da vacinação

Para evitar que seu pet seja contaminado, o ideal é evitar o contato com a rua e com outros animais fora do convívio doméstico antes que o primeiro calendário de vacinação pet esteja completo, por volta dos 6 meses de vida. A convivência com a mãe, irmãos e o aleitamento materno também são importantes para a saúde do filhote, pois ajudam a construir o sistema imunológico além de garantir uma nutrição completa para o cão ou gato.

Vacinação em pets adultos

É importante lembrar que cães e gatos adultos também devem ser vacinados de acordo com o calendário veterinário. Além dos reforços anuais, pets resgatados da rua também precisam passar por avaliação e receber todas as doses indicadas para proteger tanto o animal quanto o tutor. 

A vacinação de animais de estimação é importante para todos: pets e humanos. Por isso, não deixe de consultar seu veterinário para manter o calendário de vacinação pet em dia. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *