fbpx

Animais de estimação com donos fumantes podem ter câncer e outras doenças

Principais causas da gastroenterite em cães
8 fevereiro, 2018
Como proteger meu cão dos barulhos de fogos de artifício?
8 fevereiro, 2018

Os seres humanos podem se tornar fumantes passivos ao conviverem com alguém que fuma. Mas você sabia que os animais têm o mesmo problema? Segundo estudos da Universidade de Glasgow, no Reino Unido, eles também inalam a fumaça e, além disso, ingerem a nicotina ao limpar os pelos com a língua.

Isso pode causar câncer de pulmão ou na cavidade nasal em cães, gatos, pássaros, coelhos, porquinhos-da-índia etc. Além disso, esses pets têm mais chances de desenvolver doenças de pele e problemas respiratórios.

Os cachorros com focinhos mais longos têm mais tendência a contrair câncer no focinho quando expostos à fumaça do cigarro, por outro lado, os com focinhos mais curtos têm mais chances de ter câncer no pulmão.

A pesquisa

Para realizar a pesquisa, os profissionais estudaram 40 cães, 20 deles provenientes de casas de fumantes. As amostras de pelo foram analisadas e os tutores preencheram questionários com a frequência que fumam em casa. O mesmo foi feito com 60 gatos, focando a pesquisa na relação entre o fumo passivo e o linfoma felino, câncer que afeta os glóbulos brancos dos animais.

Um ponto que precisou ser diferenciado na pesquisa em cães e gatos é o fato dos felinos andarem mais livremente nas ruas e estarem mais expostos a fumaças de outros ambientes.

Cuide do seu pet

Se você é fumante e estava procurando mais um incentivo para parar, aqui está ele! A fumaça pode causar mal ao seu pet, além de doenças bastante graves. Se mesmo assim você não conseguir parar de fumar, o faça fora de casa e longe dos bichinhos para que eles não sejam afetados.

Fique ligado(a) em nosso blog para saber mais dicas de como cuidar bem do seu animalzinho!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *